Se possuir um problema de jogo e pretender ajuda, ou se conhecer alguém nestas circunstâncias, contacte 1-800 GAMBLER

Liga Conferência: Antevisão da final

24 maio 2022 11:37:35 EST

A final inaugural da Liga Conferência está marcada para 25 de Maio, às 20h00, na Albânia, entre a Roma de José Mourinho e o Feyenoord.

Para os fãs de futebol pode soar um pouco estranho que a formação romana nunca tenha ganho um título europeu, mas a verdade é que em 1984, perderam em grandes penalidades frente ao Liverpool na Taça da Europa, no Stadio Olimpico, e na Taça UEFA de 1990-91 foram derrotados pelo Inter de Milão numa final disputada a duas mãos.

Agora, são favoritos à vitória com 2.45 odds, mas será que a viagem de quarta-feira à Arena Kombetare vai ser finalmente a coroa de glória europeia da Roma? Ou, será que o Feyenoord, que tem 3.00 odds de levantar o troféu, se vai tornar o primeiro clube a ganhar a Taça dos Campeões Europeus, a Taça UEFA e a Liga Conferência?

Mourinho, o homem com o toque de Midas

José Mourinho pode não agradar a toda a gente, mas não há qualquer dúvida de que o técnico da Roma sabe como levar a melhor em finais europeias.

O seu currículo de treinador inclui já a conquista de duas Ligas dos Campeões (pelo FC Porto e pelo Inter de Milão), duas Taça UEFA/Liga Europa (a primeira com o FC Porto e a segunda ao serviço do Manchester United) e, claro, pode tornar-se o primeiro treinador a ganhar as três competições europeias de clubes.

Embora um técnico deste calibre pudesse desvalorizar um torneio como este no passado, Mourinho deve ver o jogo de quarta-feira como a salvação da época, dado que apenas conseguiu levar os giallorossi até ao sexto lugar na Série A. Esta classificação significa que vão directamente para a fase de grupos da Liga Europa na próxima época.

A Roma tem 2.45 odds de vencer nos 90 minutos regulamentares e a equipa chega a esta final numa nota positiva, depois de fechar a época na primeira liga italiana com uma vitória, por 3-0, sobre o Turim, e com um boletim clínico limpo.

A sua campanha na Liga Conferência foi uma montanha-russa, com o Bodo/Glimt a bater os italianos na Noruega tanto na fase de grupos como nos quartos-de-final da prova, mas com a Roma a conseguir produzir o desempenho de que precisava, quando precisava, ou seja nas meias-finais.

A vitória por 1-0 sobre o Leicester a 5 de Maio foi uma demonstração do futebol clássico de Mourinho, com a sua equipa a ter apenas 36% de posse de bola, mas a seguir em frente na prova graças ao golo decisivo de Tammy Abraham, aos 11 minutos da segunda parte.

Será que podemos esperar a mesma coisa esta quarta-feira? As três últimas finais europeias do 'Special One' foram ganhas sem sofrer qualquer golo e há 2.75 odds de isso se repetir.

Feyenoord pronto a lutar

As hipóteses da equipa neerlandesa são escassas, mas não podemos ignorar o facto de que têm um historial melhor do que os seus adversários. De facto, podem fazer história e tornar-se o primeiro clube a vencer as três competições europeia, tendo ganho a Liga dos Campeões em 1970 e a Liga Europa tanto em 1974 como em 2002.

Tal como os colegas da Eredivisie, Ajax e PSV Eindhoven, o Feyenoord é frequentemente vítima do seu próprio sucesso, com os seus melhores jogadores a serem contratados por clubes com recursos financeiros mais significativos. Por exemplo, dos 11 titulares que venceram a Taça dos Países Baixos sob o comando de Giovanni van Bronkhorst em 2018, resta apenas o capitão Jens Toornstra. É, portanto, uma prova de força terem chegado a esta fase de uma competição europeia, e o treinador Arne Slot merece elogios por ter conseguido despertar uma equipa que lutou para conseguir o quinto lugar na época passada, além de ter perdido o avançado Steven Berghuis para o Ajax.

O Feyenoord tem 3.00 odds de ganhar no tempo regulamentar, e conta para isso com a ajuda de Cyriel Dessers e Luis Sinisterra, duas das suas principais estrelas. Emprestado pelo Genk, Dessers é o melhor marcador da Liga Conferência com 10 golos.

Sinisterra soma seis tentos nesta competição, assim como quatro assistências. O colombiano tem 3.25 odds de marcar em qualquer altura da partida, enquanto Dessers tem 2.75 odds mas, apesar de todos os talentos ofensivos que a equipa neerlandesa tem, também já mostraram que sabem defender quando necessário.

O empate a zeros na segunda mão das meias finais no reduto do Olympique de Marseille foi mais impressionante pelo facto de o terem conseguido com apenas 36% de posse de bola, o que sugere que o Feyenoord pode tentar igualar a técnica de Mourinho com uma exibição defensiva.

Abraham pode marcar a diferença

Portanto, um "não" nas possibilidades de qualquer das equipas não marcar em Tirana pode ser tentador e tem xxx odds, mas se alguém quebrar o impasse, esse jogador pode muito bem ser o avançada da Roma, Tammy Abraham.

O jovem de 24 anos arriscou ao deixar o Chelsea para se juntar aos giallorossi no Verão passado, mas o risco foi recompensado. O avançado não só marcou nove golos nesta competição, como assinou 17 tentos na Série A.

O bis que apontou contra o Turim na última jornada mostram que está com o pé quente, além de que o golo que marcou frente ao Leicester, e que garantiu a passagem da Roma até esta final, foi uma boa prova da sua evolução e maturidade, dado que até aí era um jogador que tremia nos momentos decisivos.

Abraham tem 2.60 odds de marcar a qualquer altura e com grandes possibilidades deste ser um jogo extremamente táctico e fechado, um só golo do britânico pode ser fundamental.

Apostas de Futebol